quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Título?

    Sempre o que escrevo sai desconexo e delirante, sempre delirante. Imagine como seria se não fosse assim?
    Talvez escrevesse algo realmente bom!
    Mas a verdade é que não me sinto a vontade quando começo a fazer sentido, como as vezes não me sinto a vontade em minha companhia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário